quarta-feira, 19 de setembro de 2012

A IGREJA NO INICIO E A IGREJA AGORA

       

                        " No início a igreja era uma comunidade de homens e mulheres centrado no Cristo vivo. Então, a igreja mudou-se para a Grécia, onde se tornou uma filosofia. Em seguida, mudou-se para Roma, onde se tornou uma instituição. Depois mudou-se para a Europa, onde se tornou uma cultura. Por fim, mudou-se para o continente americano, onde se tornou uma empresa."

quinta-feira, 26 de julho de 2012

A SIMPLICIDADE PROFUNDA DE JESUS

 Por Caio Fábio
Mensagens | Publicado em 15/12/2008

A cada dia mais me impressiona a simplicidade de Jesus em relação a tudo.
Ele negou-se a tratar de quase tudo o que a filosofia e a teologia tratam com avidez.
A origem do mal Ele simplesmente desprezou em qualquer que seja a explicação “metafísica”. Simplesmente disse que o mal existe. E o tratou com realidade óbvia.
O problema da dor foi por Ele tratado com as mãos, não com palavras e discursos.
As desigualdades sociais foram todas reconhecidas, mas não se o vê armando qualquer ação popular contra elas.
Seus protestos eram todos ligados à perversão do coração, mas nunca se tornavam projeto político, ou passeatas, ou bandeiras.
A “queda” não é objeto de nenhuma especulação da parte Dele. Bastava a todos ver as conseqüências dela.
Sobre a morte sua resposta foi a paz e a vida eterna.
Jamais tentou justificar o Pai de nada. Apenas disse que Ele é bom e justo.
Mandou lutar contra os poderes da hipocrisia e do desamor, mas não deu nenhuma garantia de que se os venceria na Terra.
Sua grande resposta à catástrofe humana foi a promessa de Sua vinda, e nada mais.
Nunca pediu que se estabelecesse o Reino de Deus fora do homem, mas sempre dentro dele; pois, fora, o reino, por hora, era do príncipe deste mundo.
Não buscou ninguém com poder a fim de ajudar qualquer coisa em Sua missão.
Adulto, foi ao templo apenas para pregar aquilo que acabaria com o significado do templo como lugar de culto.
Fez da vida o sagrado, e de todo homem um altar no qual Deus é servido em amor.
Chamou o dinheiro de “deus”, mas se serviu dele como simples meio.
Pagou impostos; mas nunca cobrou nada de ninguém, exceto amor ao próximo.
A morte para Ele não era mesma coisa que é para nós. Morrer não era mal. Viver mal é que era mau.
Em Seus ensinos Ele sempre parte do que existe como realidade e nega-se fazer qualquer viagem para aquém do dia de hoje.
Para Ele o mundo se explicava pelas ações dos homens, e prescindia de analises; pois, tudo era mais que óbvio.
Não teologizou sobre nada. E todas as Suas respostas aos escribas e teólogos eram feitas de questões sobre a vida e seu significado agora; e sempre relacionado ao que se tem que ser e fazer.
Quando indagado de onde vinha o “joio”, Ele simplesmente diz: “Um inimigo fez isso...” — referindo-se ao diabo.
Prega a Palavra, e não tenta controla-la.

Vê pessoas crerem, mas não tem nenhuma fixação em fazê-las suas seguidoras físicas e geográficas.

Não tem pressa, embora saiba que o mundo precisa conhecer Sua Palavra.
Cita as Escrituras sem nenhuma preocupação com autores, contextos ou momentos históricos.
Arranca certezas da Palavra baseadas em um verbo “ser” — aludindo ao fato de Deus ser Deus de vivos e não de mortos, pois, “para ele todos vivem”.
Ensina que a morte é o fundamento da vida, e tira dela o poder de matar, dando a ela a força das sementes que ao morrerem dão muito fruto.
E assim Ele vai...
E assim Nele é!
Nele, para Quem a filosofia é a vida em amor,

Caio Fábio

Publicado em 15/12/2008 - 23:00

quarta-feira, 11 de julho de 2012

CASA DE ORAÇÃO OU CASA DA MOEDA?

                             Em Mateus 21:12 a 16 diz:  "E entrou Jesus no templo de  Deus, e expulsou todos os que vendiam e compravam no templo, e derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas. E disse-lhes: Está escrito: A minha casa será chamada casa de oração. Mas vós a tendes convertido em covil de ladrões. E foram ter com ele ao templo cegos e coxos, e curou-os.
                            Vendo, então, os principais dos sacerdotes e os ecribas as maravilhas que fazia e os meninos clamando no templo: Hosana ao Filho de Davi, indignaram-se e disseram-lhe: Ouves o que estes dizem? E Jesus lhes disse: Sim; nunca lestes: Pela boca dos meninos e das criancinhas de peito tiraste o perfeito louvor?"

                                      * Para Jesus:  O templo é lugar de oração; onde podemos interagir com o Pai e "mergulharmos" n'Ele em fervente súplica com fé e amor.

                                * Para os avarentos: O templo é lugar  de arrecadação financeira e não é preciso orar... "deixa o homem de deus orar por você" (dizem eles).

                                 * Para Jesus: Templo é lugar de adoração ao Eterno; onde o coração adorador se derrama diante da Santa Presença  e diz: "Ti amo ó Rei Soberano pelo que és e não simplesmente pelo que fazes."

                                  * Para os avarentos: Templo é lugar de Show onde os artistas gospel cantam e encantam plateias... é lugar onde pregadores estrelas pregam com uma "disposição" e depois levam um dinheirão (perdoe-me a rima).

                                   * Para Jesus: Templo é casa (casa de oração), casa significa: moradia, residência. Onde famílias se reúnem para ser ministradas pelo Doce Espirito e n'Ele experimentar da graça divina.

                                   * Para os avarentos: O templo é covil de ladrões onde o nome de Deus  bem como a Sua Palavra são pretextos  para fins pessoais. Com belas músicas, lindas canções e pregações convincentes arrecada-se muito dinheiro dos desesperados que tudo dão em busca da benção.

                                ACORDA IGREJA!

       
           Você já parou para analisar se o ministério que você contribui financeiramente é realmente sério? 
            A liderança presta conta do que faz com o dinheiro?  Cada centavo que entra é tratado com responsabilidade?
Os lideres se interessam por vidas de verdade? As angústias e carências espirituais das pessoas são objetos da preocupação deles, ou não estão nem ai? O ministério investe em vidas ou em construções de megas templos? Investe-se em vidas ou em luxos de líderes vaidosos?
              As perguntas acima servem para refletirmos. A casa de oração tem se tornado em casa da moeda. E isso para nossa tristeza e vergonha. O foco na maioria das igrejas é a moeda (dinheiro). Hoje, não se ora mais nos templos; não se adora mais a Deus e sim a Mamon.
               Mas, é tempo de despertarmos! E não se enganem os mercenários. Deus está levantando seus profetas e pastores que desempenharão o ministério nessa última hora com seriedade. Eles entendem que o rebanho não é seu mas do BOM PASTOR; por isso cuida desse rebanho com temor e tremor.           

                                                                      


                                   

                                   
                                   

quarta-feira, 27 de junho de 2012

OS LOUVORES MANIPULADOS - Abaixem o som!

       Com muita frequência  as   congregações usam as músicas (louvores) mais tocados ou executados pela mídia. Geralmente são as músicas desses cantores que estão em evidência; os mais badalados...
        Eu questiono seriamente essa preferência musical evangélica. Porque as redes midiaticas do mundo gospel divulgam segundo suas conviniências, ou seja , conforme o interesse financeiro. Em fim, propaga-se os cantores que vendem mais.
         A questão não é bem o talelnto, a vida com Deus e adoração verdadeira. A questão é que eles dão retorno financeiro. Portanto, esses meios "poderosos" de comunicação que dispõem de fábulas monetária para divulgar e expor
          os trabalho dos cantores rentáveis a todo instante, os porão em visibilidade praticamente 24 horas por dia. E portanto, estarão constantemente em cena ( no rádio, tv, net...) . É a publicidade - o marketing em ação.
           Resultado: A mente do povo evangélico é bombardeada por esses nomes e músicas a toda hora. Ocorre a famosa "lavagem cebral". Pronto! O povo está manipulado e sob total controle da indústria da música gospel.
             Quer fazer um teste? Visite ao menos cinco congregações em seu bairro; ou, se viaja o Brasil, assista aos cultos na cidade que chegar. Certamente você ouvirá  as mesmas músicas.
              Entretanto, o povo de Deus não deveria se portar como  manada que faz tudo simplesmente porque "todo  mundo faz". Chega disso!!!
               Precisamos de discernimento (discrenir significa VER). A algumas décadas a traz só cantava-se os hinos da harpa cristã, do hinário, cantor cristão e etc. Era tudo manipulado, como o é agora. A história se repete, só que, no momento, ela se apresenta com uma nova roupagem. Atualmente, ela está mais sofisticada ou informatizada.
               Precisamos de pessoas nas congregações que componham músicas (louvores)  ou que busque variar mais as canções. Tem gente boa por ai cantando coisas excelentes. Basta pesquisar. A diferença é que elas não estão no mercado  gospel.- Que Deus as conserve assim. São pessoas que adoram a Deus pelo simples prazer e não por comércio ou exibicionismo. Portanto, chega desses cultos apapagaiados. Deus é o Senhor da inspiração;   Ele dá canções as mais variadas,concede lindas poesias e fornece-nos músicas inéditas! Por que então ficarmos bitolados e retidos, reféns de uma (repito) indústria musical gospel?
                E como se não bastasse, o volume do som nas congregações revela uma falta de sencibilidade musical gritante. Gente! Que falta de educação!!! É um som alto e ensurdecedor. Os play-backs e os levitas geralmente dublando (o que já demonstra pobreza musical) com o som nas alturas. 
                  Eles insistem que o povo os acompanhem. Mas, como cantar? Porque nesse caso, só se for gritando e muito... visto que as caixas de som estão quase estourando.
                    Os líderes de louvor e pastores deveriam ser mais cuidadosos quanto a música. Como é que os louvores são conduzidas de forma que os instrumentos e microfones dos cantores  cobrem as vozes da congregação? Como participar de um louvor em que você não consegue ouvir a  sua própria voz?
                     Por favor, ao menos em respeito as crianças , idosos , doentes e vizinhos: abaixem o som! Os instrumentos e microfones servem apenas para a condução musical e acompanhamento do povo. Não é para sobressair-se e dar show. Adorem a Deus com o povo e ouça-os!
                       Chega de música evangélica manipulada!
                        Por gentileza abaixem o som!
                 É a minha opinião com respeito e amor. 
                        Missão Intinerante Edificar - Josenildo
               

sexta-feira, 25 de maio de 2012

UM SERVO


        Somos apenas servos de Deus. Parece que temos perdido esse entendimento. Porque os cargos ministériais (apóstolo, profeta, pastor, evangelista, mestre) tem sido cobiçado como um meio de elevação pessoal. Como se desse um status ou autoridade a quem os recebe. 
Eu sinto compaixão dos irmãos que agem desse modo. Usam a igreja para se auto-promoverem. Não tem consciéncia do que seja Reino de Deus. Veja o que Jesus disse:
                  "Porém o maior dentre vós será vosso servo. E o que a si mesmo se exaltar será humilhado; e o que a si mesmo se humilhar será exaltado." (Mat. 23:11-12)
            Qualquer liderança na igreja não passa de um serviço. É servir, é ser garçom.
 O SENHOR JESUS não edificou a Sua Igreja para satisfazer nossos caprichos e desejos carnais, megalomanias e desejos desgovernados. O que tem de gente querendo ser servido pelos "seus discipulos..."
Usam os irmãozinhos até pra fazer fachina em suas casas. Parem com isso! 
Quando ouvi essa música, meu coração se encheu mais ainda dessa verdade. Sou servo de Deus para servir aqui na terra. É isto que glorifica a Deus. O resto é querer "tirar onda" com o que não lhe  pertence. Os dons pertence a Deus, o talento é d'Ele, a unção é d'Ele o chamado é d'Ele. Glória pois eternamente a Ele. AMÈM.
   Uma música cantada com alma, paixão e afinação. Lindo demais!
    Canta: Dani Araújo e Família Soul.

                              Um abraço. Nele, de quem também sou servo com muito prazer e amor.
                                                  Josenildo.

domingo, 11 de março de 2012

DEUS SEJA LOUVADO... NÃO MAIS NO SEU R$!



Há algum tempo saiu a seguinte notícia em 1 site de sátiras:
Dilma manda remover a frase “Deus seja louvado” do dinheiro a pedido dos ateus
Um pedido dos Ateus fez a Presidente Dilma mandar o Banco Central retirar a frase “Deus seja louvado” das cédulas de real. Os religiosos não gostaram e estão protestando para que o governo mantenha a frase e prendam os Ateus.
No pedido, formulado pelos Ateus, foi requerido também substituição da frase “Deus seja louvado” por “Deus não existe”, mas o pedido foi negado pela Presidente Dilma. “O Brasil é um país religioso, se eu coloco a frase “Deus não existe” nas cédulas quem deixará de existir serei eu”, disse.
Por causa da remoção da frase, a previsão é que haja conflito nas ruas. “Talvez seja preciso colocar o exército em alerta para evitar confrontos entre Ateus e Religiosos”, disse o Ministro da Defesa.

Para começar você leitor já reparou que na cédula do real existe a frase “Deus seja Louvado”?
Espero que sim, afinal hoje em dia usamos tanto o dinheiro de plástico (cartão) que este detalhe na nota muitas vezes nos passa batido.
Sei que esta notícia acima parece um pouco absurda a princípio, mas não pude deixar de pensar “e se fosse verdade”? Qual seria a reação do brasileiro? Cristão ou ateu? Será que os ateus se incomodariam tanto com uma pequena frase que passa batida aos olhos de muitos inclusive cristãos? E os cristãos, será que se manifestariam para defender esta frase de respeito e adoração que declara que seu país pertence a Deus? Querendo ou não isto é um caso de perseguição religiosa.

Nós brasileiros temos a fama de ser pacíficos, o que nos abre muitas portas estrangeiras, porém temos fama em nosso próprio país de ser um povo omisso, que muito critica seu governo, vota inconscientemente pois temos a cultura que melhor votar em qualquer um do que jogar o voto fora, sendo que voto nulo nada mais é que o poder único e individual de dizer que você não concorda e não é cúmplice daquilo por mais que a maioria dos brasileiros ajam ao contrário disso. Um povo que pouco age diante de tanta disparidade social, um governo que todos os dias toma importantes decisões e que não faz questão de nos prestar conta e nós muito menos interessados em tentar descobrir o que se passa.


E a presidente? Será que seria ousada ao ponto de remover esta frase da cédula? Rumores dizem que a mesma exerce práticas não cristãs, porém aprovou o estilo gospel brasileiro como gênero musical, e em sua gestão um lei está sendo votada para que todos os alunos rezem/orem o pai nosso antes das aulas começarem.


Em um país onde exceções se manifestariam se este caso fosse verídico, mas multidões de cristãos e ateus certamente protestariam pelo menos nas redes sociais (que por sinal viraram a maior concentração de revoltados, rebeldes, protestantes, pseudo-intelectoides, alienados e simpatizantes que abraçam qualquer coisa) se os feriados religiosos brasileiros tão adorados e desejados inclusive por aqueles que não acreditam nos santos homenageados fossem abolidos, eu pergunto a você e a mim: O que nós faríamos se sutis perseguições religiosas começassem a surgir na terra brasilis?
            (Texto do Blog: de Marcelo Targon - Vamos compartilhar o amor de Deus)

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

ANJOS OU ALIENIGENAS?

Mais uma vez o Pastor Caio Fábio aborda sobre o tema 'alienigenas, mundo espiritual, extraterrestres,  anjos'  de forma precisa e despertadora. Gostei e recomendo que o visitante e seguidor invista um pouco do tempo assistindo o vídeo. Depois, deixe seu comentário se possível. Obrigado.

sábado, 4 de fevereiro de 2012

O PODER OCULTO DO DINHEIRO


                            O seu poder é sutil, praticamente imperceptível; porém, não há como nega-lo. O dinheiro tem poder e influência tão elevados que não podemos calcular. Se não, vejamos:

                           * A corrupção que se alastra nos governos internacionais e governo brasileiro tem como principal motivador a ganância por dinheiro. E assim, assistimos: muitos camassos de dinheiro em malas, sacos, meias e até cuecas... são as propinas, os pagamentos de favores e acordos políticos. Sem agravar a todos, mas, é desse jeito que muitos homens públicos agem. Eles querem dinheiro a todo o custo. Querem ocupar cargos e obterem riquezas.
                             Por causa de dinheiro casamentos são dissolvidos quando a situação financeira da família entra em crise. Separações ocorridas em muitas casais tem como razão principal problemas econômicos. Embora que alguns conjuges tentem negar, justificando outras causas. A verdade, é que muitos casamentos começaram  por interesse monetário. E o amor durou  enquanto a grana estava bem.  Havendo dinheiro tudo segue satisfatoriamente e o casamento fica de pé. Porém,   o inverso disso também é verdadeiro. 
                                Um relacionamento conjugal sustentado a dinheiro deveria ter algum nome empresarial ou comercial. Acho que acentaria melhor.
                                 * Igrejas são abertas meramente com objetivos de arrecadar fundos. Alguns líderes evangélicos dizem que tudo foi iniciado porque tiveram revelação ou descobriram uma doutrina bíblica mais verdadeira, etc. 
                                    Na verdade, a maioria dessa conversa é pura estória. Com raras exceções, tem muita gente por tráz dos púlpitos só como um meio para se manter. Porém, quando leio os evangelhos, não vejo a igreja ou rebanho de Cristo como um negócio para bispos, apóstolos e pastores enriquecerem. E diga-se de passagem, esse "negócio" anda nas nuvens (literalmente em alta) porque a moda agora é que pastor bem sucedido (segundo eles) tem que ter bmw e jatinho. É algo bem diferente do ensinado por Jesus!
                                  O dinheiro é muito mais que uma moeda de troca ou meio de transações comerciais. Ele nos influência tanto e está tão ligado a nós que se não tivermos cuidado passamos a adorá-lo; pois, ele tem o poder de conquistar nossa adoração e amor.
Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.(Mateus 6:24)
Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.(1 Tim. 6:10)

                                       Por que a maioria das pessoas estão indo as igrejas? Respondo: Apertos financeiros. Por que a maioria dos crentes dizimam sem saber a fundo o tema?  Respondo: Medo do devorador de Malaquias 3:10. 
                                     Nunca se ganhou tanto dinheiro com o nome de Jesus como se tem ganhado nessa era. A igreja virou uma indústria que ganha furtunas com dízimos e ofertas. Entretanto, como as instituições do governo ela (a  igreja) produz muito pouco. A prova disso está ai a nossas vistas. Que impacto a igreja tem causado na sociedade quando ser evangélico hoje em dia virou moda ao invés de ser um rendimento total ao chamado de Cristo para segui-lo? Respondo: Pouquíssimo impacto. 
                                       Dinheiro se ganha trabalhando; sem precisar se matar por ele. Só Deus merece nosso amor total. Dinheiro se ganha com conhecimento sem no entanto, ser necessário a ambição desgovernada a ponto de adora-lo. Só Deus merece nosso culto!


terça-feira, 3 de janeiro de 2012

PROSPERIDADE VEM COM CONHECIMENTO

                                       

                                                 O Senhor Jesus Cristo disse: " ... e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." (João 8:32) . O conhecimento da verdade produz libertação. Quem não é livre está preso ou escravizado a algum tipo de opressor como: dívidas, miséria, doença, escassez, manipulação religiosa ou política, etc. 
                              O conhecimento é algo acessível; e hoje está disponível como nunca na história humana. A internete disponibiliza informação (conhecimento) de uma forma maravilhosamente absurda! 
                               Onde está o conhecimento? Você pode encontrar conhecimento nos livros. Aliás, gosto da palavra livro! Parece derivar de livre . Quem procura ler e entender, se liberta, se livra das cadeias da ignorância e opressão dos tiranos. 
                                Se o povo lesse mais e assistisse menos tv a nossa pátria estaria em outro nível. Alguns se queixa dos custos para aprender. Porém,  Benjamim Franklin disse: "Se você acha que a instrução é cara, experimente a ignorância."
                               Podemos ler artigos ou livros preciosos na internet, nas bibliotecas públicas, livrarias. Podemos estudar nas escolas, universidades, em casa e até no trabalho em horários de descanso. Uma pessoa ainda que não formada academicamente, pode ser bem informada! É só querer e buscar.
                                Em Provérbios, o sábio faz várias recomendações e diz qual deve ser a nossa postura em relação ao conhecimento:  
"O coração do entendido adquire conhecimento; e o ouvido dos sábios busca conhecimento." (Provérbios 18:15).
                               Conhecimento leva-nos a prosperidade. Quem sabe mais, geralmente ganha mais. Quem sabe menos, torna-se mão de obra barata. Por isso é imprescindível a especialização profissional hoje em dia. Porque conhecimento é sinônimo de dinheiro. 
                              Uma das grandes queixas dos empresários é que não existe candidatos qualificados para os cargos nas indústrias. É comum candidatar-se pessoas sem habilidades suficientes para lidar com equipamentos de ultima geração. Eric Hoffe (filóso) disse: "Os que aprendem herdarão a Terra, enquanto os que já sabem estão magnificamente equipados para viver num mundo que não existe mais."
                             Quem tem conhecimento prospera. Por quê? Porque trabalha com lucidez e tem segurança plena no que está executando. 
                              Ciente dessa verdade a respeito do conhecimento, o escritor  T. Harv Eker disse: "Passei de sabe-tudo a aprende-tudo." Isso fala de sermos pessoas ensináveis. É trágico vermos gente procedendo profissionalmente em pleno século XXI como se estivesse no século passado. Ganha-se dinheiro atualmente quem obtiver o máximo de conhecimento e de preferência na área tecnológica. Preste atenção e veja se o que estou falando não condiz com a realidade...
                              "Aprender é a única coisa de que a mente nunca se cansa, nunca tem medo e 
                                nunca se arrepende." (Leonardo da Vince)
  Se você quer saber como ter uma renda extra  clique no link:
                                  RENDA EXTRA 
"O único lugar onde o Dinheiro vem antes do Trabalho é no Dicionário, mas até lá ele vem depois do Aprendizado e da Dedicação"

domingo, 1 de janeiro de 2012

PROSPERIDADE VEM COM TRABALHO

     Em que consiste a prosperidade real? Todos nós queremos prosperar, ter uma condição de vida confortável, desfrutar os bens materiais que são legitimamente conquistados. Desconheço quem não queira isso para si.    Iniciando a nossa fala,              vamos a uma definição de prosperidade: Prosperidade é obtenção de suprimento em meio as necessidades. 
                     Para obtermos suprimento se faz necessário trabalhar.
                     O Deus Eterno deseja que sejamos prósperos. Ele é chamado El-Shadai ( O  Deus mais do que suficiente). Veja que toda criação manifesta abundância em todos os reinos. Exemplos: Numa relação sexual o homem ejacula milhões de espermatozóides,  porém, apenas um fecundará. Atente para a proporção: milhões para um. Você consegue ver a grandeza do Eterno nessa matemática?
                     As árvores frutíferas dão seus frutos em quantidades que excedem as necessidades da população mundial. A prova disso é que toneladas de frutas e legumes são jogados ao lixo todos os dias em nossas cidades; graças a mesquinhez humana e ao capitalismo selvagem. Consequentemente, muitos passam fome. Entretanto, a culpa da fome não é do Eterno que esbanja (no bom sentido)  em tudo o que faz! Deus é generoso. Olhe a imensidão do mar, a profundidade dos oceanos...  A cada dia são descobertas novas espécies de animais nas águas. Isso, sem falar no universo, nas galáxias, planetas, dimensões, anjos, etc.
                       Sabendo que o Criador é Senhor da abundância eu posso crer que minha vida será próspera. A pergunta é: Como alcançar a prosperidade? O que fazer para que ela venha a mim?
                        Bem, a maioria das igrejas ensinam que você só prosperará se der o dízimo e ofertas. Mas a verdade é que o trabalhador(a) já são prósperos  independentemente de dízimos e ofertas; porque quem tem para dar?  Só quem  está prosperando.
                         A prosperidade está no trabalho e vem do trabalho.
                     O que eu quero aqui é desmistificar  o dízimo e oferta. Visto que a mente do povo foi condicionada a dar a Deus para ter algo; negociar com o Senhor; barganhar bênçãos. Portanto, prosperar tornou-se algo mágico, imantado, obrigatoriamente miraculoso. Inventaram até a unção da prosperidade. 
                       Os mestres teólogos parecem desconhecer que os personagens bíblicos do passado  como: Abraão, Isaque e Jacó enriqueceram com muito esforço , trabalho e cuidadoso gerênciamento. Prosperidade não acontece com "abra-cadabra", "pirlim-pim-pim" ou: "eu decreto", "eu profetizo". Muito menos encafinfado dentro de "igreja" fazendo campanhas ( o que é interessante para o bolso dos pastores espertalhões).  
  •   Prosperidade vem com suor - "No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás". (Gênesis 3:19) 
    • Prosperidade vem com dedicação- "O que trabalha com mão displicente empobrece, mas a mão dos diligentes enriquece". (Provérbios 10:4)


    •  O Apóstolo Paulo  exortou os crentes para que trabalhassem. 
"E procureis viver quietos, e tratar dos vossos próprios negócios, e trabalhar com vossas próprias mãos, como já vo-lo temos mandado". (I Tessalonicenses 4:11)
  
                   
                     Quem não trabalha não prospera, não paga as contas, não come, não investe, não oferta nos cultos... Logo, o problema da teologia da prosperidade não está na prosperidade, mas sim, na teologia tão cheia de distorções, pressão psicológica e esperteza de pastores e apóstolos preguiçosos. Reenfatizo: "Dizimar e ofertar não vai fazer você mais prospero  do que já é."
                       O homem é um ser dinâmico. Deus não nos criou para viver na ociosidade ou parasitando. Conheço pessoas que após se aposentar ficaram doentes. Quando paramos de trabalhar nossa fonte de prosperidade pára também. 
                          Um dos segredos da prosperidade é: Trabalhar, trabalhar e  trabalhar. Não estou falando em se matar de  trabalhar , ou se tornar escravo do trabalho. Estou falando apenas que a condição sinequanon para prosperar é trabalhar. O Deus-Mais-Que-Abundante dá alimento as aves dos céus, porém,  não coloca no bico.
  Saiba como ter uma renda extra trabalhando a partir de sua casa. Clique no link: RENDA EXTRA